A Mulher e as Estratégias de Conciliação da Vida Familiar e Profissional

No dia 24 de Março teve lugar mais uma tertúlia subordinada ao tema "A Mulher e as Estratégias de Conciliação da Vida Familiar e Profissional", inserida no ciclo de Tertúlias Improváveis, que a ACIB vem a organizar.

O Salão Nobre da ACIB estava povoado de grandes entusiastas e interessados pela temática em debate, liderado por uma reconhecida convidada – Dr.ª Teresa Fragoso.

A abertura coube ao Presidente da ACIB, João Albuquerque, que assinalou com pesar os incidentes acontecidos naquela manhã, numa freguesia do Concelho de Barcelos, onde se registaram as trágicas mortes, motivadas por questões de violência doméstica. Logo de seguida expôs que promover o papel da mulher, na medida em que a igualdade o preconiza, é uma obrigação da ACIB, de manter um equilíbrio nas relações humanas em contexto empresarial. Esta associação tem se esforçado por tratar as questões da igualdade. Algumas foram já as ações levadas a cabo neste contexto, concretamente, na implementação de Planos para a Igualdade em Empresas.

Em representação do Município de Barcelos esteve Maria da Paz Faria adjunta da Sr.ª Vereadora Armandina Saleiro. Assinalou o interesse do município de Barcelos nesta temática, corroborando com a preparação do Fórum Intermunicipal para a Igualdade a realizar-se no próximo mês de Maio. Há uma preocupação por parte do município com o papel da mulher no trabalho e na sociedade. Salientou igualmente que as mulheres têm conseguido algumas conquistas, ainda que lentas, mas têm sido alcançadas. Os homens/maridos não foram ensinados a realizar tarefas domésticas. Apresenta-se aqui também uma questão cultural e educacional. Termina a sua breve apresentação fazendo uma exaltação às mulheres, afirmando que as mulheres são valentes e têm conquistando a sua libertação e os seus valores.

Foi a vez da nossa convidada – Dr.ª Teresa Fragoso, Presidente da CIG – Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, que em traços bastante gerais nos falou do papel da CIG na promoção das políticas públicas para a igualdade, através da articulação com os ministérios/autarquias e associações no desenho dos planos para a igualdade; no apoio às políticas públicas, através da gestão de fundos comunitários, na Agenda para a Igualdade focada em cinco grandes temas: a desigualdade salarial, uma descriminação subtil, ou seja, as mulheres auferem menos 16,7% que os homens para o mesmo trabalho realizado; a conciliação da vida familiar e profissional; o papel dos homens na esfera privada e na parentalidade; a segregação horizontal e vertical das profissões e a tomada de decisão económica.

Apresentou ainda alguns dados relativamente ao uso do tempo por homens e mulheres, por exemplo, no trabalho, os homens gastam mais vinte e sete (27) minutos diários do que as mulheres, enquanto, as mulheres gastam uma hora e quarenta e cinco minutos (1h45m) diários a mais que os homens nas tarefas domésticas. Devolveu aos homens e às mulheres a conceção de estratégias de conciliação da vida profissional e familiar.

Acima de tudo, referiu, não temos o direito de educar de acordo com os estereótipos. Na medida em que existem inúmeras situações em que se confirma que persistem discriminações com base no sexo, justifica-se que haja intervenção séria na defesa da igualdade. A sociedade deve encontrar formas de promover a igualdade, e cabe ao Estado contrariar as desigualdades. É urgente ganharmos consciência para construirmos uma sociedade mais justa.

Seguiu-se o debate com a audiência, muito participado e maioritariamente concordante com o facto de ainda haver muitas razões para que seja necessário comemorar o dia Internacional da Mulher. Não pelo sentido de distinguir as mulheres, mas pela necessidade de luta em prol da igualdade, atentas as circunstâncias de discriminação que facilmente se encontram.


    



Anexos:



SEDE ACIB


Largo Dr. Martins Lima, 10
4750-318 Barcelos

CONTACTOS


Tel: 253 821 935
Fax: 253 821 860
acib@acibarcelos.pt
acib@acib.eu
Copyright 2019, ACIB - Associação Comercial e Industrial de Barcelos